LOADING

Digite para buscar

Plataforma do Facebook para escritores e jornalistas independentes entra em fase de testes, diz site

Compartilhe

Rede social começara em breve a testar parcerias com um pequeno grupo de escritores e redatores

O Facebook já não é mais o mesmo, no sentido de se restringir a uma rede social que derrubou o finado Orkut em pouco tempo. Os desenvolvedores capitaneados por Mark Zuckerberg estão sempre pensando em inovações para surpreender os usuários e também para a empresa de maneira geral. A mais recente novidade é a criação de uma plataforma de publicação de textos de jornalistas e escritores independentes. A ideia é atraente, principalmente porque vai permitir que os autores compartilhem seus textos com os leitores, criando comunidades de público leal e envolvidas com os materiais divulgados.

Para testar a plataforma, que ainda não tem nome, o Facebook irá começar em breve a testar parcerias com um pequeno grupo de escritores e redatores, segundo informações do Axios, reproduzidas pelo Business Insider. Os jornalistas testarão ferramentas para criarem seus sites e boletins informativos e, inclusive, alguns profissionais serão pagos para ajudar a empresa a tirar essa ideia do papel.

Um dos recursos a serem desenvolvidos é integrar o Pages, processador de textos da Apple disponível para computadores Mac e PC, à nova plataforma, permitindo que os autores publiquem outros conteúdos além de textos, como a transmissão ao vivo de vídeos.

Também estão nos planos o desenvolvimento de ferramentas que permitam a jornalistas e escritores monetizarem seus trabalhos no futuro. Para ter uma noção do desempenho de sua atuação, os profissionais que aderirem à plataforma gratuita receberão métricas sobre o desempenho do conteúdo.

Cerca de quatro anos atrás, o Facebook passou a investir em produtos, programas de incubadoras e eventos com o objetivo de ajudar empresas de notícias locais nos EUA a aumentarem a sua receita. Além disso, também criou a tab News (Notícias), ainda indisponível no Brasil, que permite ao usuário acessar notícias fora da sua timeline, clicando no botão News. E agora, com o desenvolvimento da nova plataforma, muitos jornalistas, inclusive alguns renomados que deixaram as redações há algum tempo, poderão ter mais visibilidade para divulgar seu trabalho.

LEIA TAMBÉM:

O jornalismo científico não deve dar voz para malucos, diz especialista da área

10 livros para estudantes de jornalismo

8 coisas que você precisa saber sobre jornalismo de dados

Tags:
Redação #TMJ

Produzido pelo Núcleo de Conteúdo da ESPM.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *