LOADING

Digite para buscar

‘Indivisível’: HQ mostra história invisível do bairro da Liberdade

Compartilhe

Raízes afro-americanas do bairro estão enterradas embaixo de camadas de história, prédios e luminárias nipônicas

Por Matheus Rodrigues

A Liberdade é um dos bairros mais famosos e importantes da cidade de São Paulo. Trata-se de um ponto turístico muito popular pela forte presença da comunidade e cultura asiática, predominantemente a japonesa.

Mas a história do bairro é muito mais profunda e as suas raízes afro-americanas infelizmente estão enterradas embaixo de camadas de história, prédios e luminárias nipônicas típicas. Quer dizer, estavam, porque a arquiteta e quadrinista paulistana Marília Marz transformou sua Tese de Conclusão de Curso em um quadrinho que revela as camadas invisíveis do bairro.

A autora conta em uma das introduções de Indivisível que o processo de produção durou seis meses, sendo quatro exclusivamente para a pesquisa sobre o bairro da Liberdade e dois à execução do livro em si. São aproximadamente 40 páginas de narrativa, sem contar o conteúdo extra que detalha mais sobre a pesquisa e o trabalho feito pela Marília.

A autora também ministrou um curso pelo Sesc em maio de 2019 em que contou mais sobre o processo de criação do quadrinho e como ele se relaciona com a sua trajetória pessoal; afinal, a história negra do bairro foi soterrada (literalmente, uma vez que os principais quarteirões do bairro foram construídos em cima do Cemitério dos Aflitos), assim como a identidade de Marília, que relatou ter sido “chamada de branca e discriminada como negra”.

O quadrinho teve uma campanha de financiamento coletivo super bem sucedida no Catarse, superando a meta inicial. Importante lembrar também que a autora, Marília Marz, estará presente na Comic Con Experience 2019 exibindo a sua arte!

Conteúdo originalmente publicado no Newronio, blog escrito pelos alunos do Arenas ESPM, agência experimental do curso de Publicidade e Propaganda da ESPM. Para conferir a nota completa, clique aqui.

LEIA TAMBÉM:

Ilustradora brasileira mostra como é uma verdadeira princesa

Designer italiana reúne mais de 650 símbolos de civilizações antigas em enciclopédia digital para artistas

Artista imagina como seria o sertão nordestino em um mundo cyberpunk

View my Flipboard Magazine.
Tags:
Newronio ESPM

Blog sobre criatividade escrito pelos alunos do Arenas ESPM, agência experimental do curso de Publicidade e Propaganda da ESPM.

Você vai gostar também

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *