LOADING

Digite para buscar

Tags: ,

Diretor de fotografia de Hollywood explica o significado das cores nos filmes

Compartilhe

Seamus McGarvey ensina como usar as cores para transmitir emoções e influenciar na criação de um personagem, usando como exemplo filmes que ele dirigiu

Por Luísa Serpelloni 

O diretor de fotografia Seamus McGarvey foi convidado pela CookeOpticsTV para participar de uma das suas séries de vídeos chamada Masterclass. Nessa aula, ele ensina como usar as cores para transmitir emoções e influenciar na criação de um personagem, usando como exemplo filmes que ele dirigiu.

Primeiro é importante saber que as próprias cores transmitem ideias e sentimentos diferentes. A cor azul, por exemplo, pode passar a sensação de frieza, depressão e paz. Teóricos que estudam as cores explicam que existe uma ideia pré definida na nossa cabeça sobre as cores, só não percebemos tão claramente porque é algo que está no nosso inconsciente.

O diretor usa como exemplo um dos seus filmes chamado Precisamos falar sobre Kevin. A cor vermelha, que passa a sensação de violência, agressão e perigo, é muito usada no filme. O que faz totalmente sentido visto que o enredo envolve terror psicológico e assassinatos.

Outro diretor que usa as cores como linguagem cinematográfica nos seus filmes é o M. Night Shyamalan. No clássico O sexto sentido, ele utiliza a cor vermelha para indicar situações de perigo e a presença de seres sobrenaturais. Depois descobrimos que isso era uma pista para o plot twist no final.

Percebemos então que a escolha da paleta de cores em um filme é algo tão importante que muda completamente o que sentimos diante uma cena. E diretores como Seamus McGarvey nos ensina isso muito bem.

LEIA TAMBÉM:

Cinema: porque o sentido do movimento de câmera é tão importante

9 filmes para entender a importância do jornalismo

‘For Sama’: o documentário sobre uma mãe na guerra

View my Flipboard Magazine. View my Flipboard Magazine.
Tags:
Newronio ESPM

Blog sobre criatividade escrito pelos alunos do Arenas ESPM, agência experimental do curso de Publicidade e Propaganda da ESPM.

Você vai gostar também

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *