Visual law, legal design e jurimetria: conheça conceitos que estão revolucionando o Direito

Patricia Peck, professora de Direito da ESPM, explica porque essas ferramentas estão se tornando importantes para a atuação jurídica

 

 

O Direito é diretamente impactado pelos movimentos da sociedade e do mundo. A inovação tecnológica promoveu mudanças expressivas nessa disciplina, principalmente no que se refere a trabalhar com uma linguagem mais clara e compreensível para qualquer pessoa.

 

 

“A sociedade atual é dinâmica e a internet se transformou numa ampla plataforma de circulação de informações legais. O Direito então sai do papel como elemento de documentação e passa também a ocupar o espaço digital mudando paradigmas”, explica Patricia Peck Pinheiro, professora da graduação em Direito da ESPM em São Paulo e fundadora do Peck Advogados, escritório especializado na área.

 

 

Com isso, nasceram três ferramentas básicas necessárias ao trabalho de qualquer advogado que não queira ficar para trás: legal design (estratégia da comunicação), jurimetria (uso da inteligência de dados) e visual law (estética visual do material jurídico). Para lidar com esses recursos, além dos advogados, um escritório de advocacia hoje conta também com cientistas de dados, designers gráficos e jornalistas. Veja a seguir mais informações sobre as técnicas que estão transformando a área:

 

 

Legal Design

Trata-se do uso de ferramentas do design thinking na área jurídica para encontrar soluções inovadoras e centradas nas pessoas. Sua aplicação pode resultar, por exemplo, na simplificação da linguagem de um documento para facilitar o entendimento de um cliente e outras partes envolvidas em um caso.

 

 

Jurimetria

A jurimetria é a estatística aplicada ao Direito. A partir da análise de dados de processos que já foram julgados, um advogado pode avaliar estatisticamente qual a probabilidade de ganho de uma causa na justiça e considerar se vale a pena fazer um acordo ou ir para o tribunal, por exemplo. Assim, a jurimetria lida com a probabilidade da assertividade da defesa. Outra vantagem é a de automatizar tarefas, agilizando o trabalho do advogado.

 

 

Visual Law

O visual law trabalha com a aplicação da estética como forma de atender a estratégia. Busca a melhoria da apresentação visual de um documento jurídico para além das palavras. Usa recursos como infográficos, animações, ilustrações e até vídeos para ajudar na compreensão do texto, sempre buscando ir direto ao ponto. O uso dessas técnicas visuais encurta um caminho, transformando documentos que antes continham dezenas de páginas em uma comunicação mais clara, acessível e objetiva.

 

LEIA TAMBÉM:

Advogados do futuro: especialista aponta o que profissionais da área devem estudar

 

Direito 4.0: entenda o que é e conheça seus impactos nos escritórios e na rotina dos advogados

Quer ver mais conteúdos do #tmj?

Preencha o formulário abaixo e inscreva-se gratuitamente em nossa newsletter quinzenal!

Você vai curtir

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER